Índigo, aclamada escritora de livros infanto-juvenis, estará hoje na Feira do Livro de Mossoro Postado por FLM | 07 de Agosto de 2009

Índigo, nascida Ana Cristina Ayer de Oliveira (Campinas, 29 de agosto de 1971) é uma escritora brasileira de literatura infanto-juvenil.

Durante boa parte de sua vida estudou na escola Dom Barreto, um colégio católico em sua cidade-natal. Segundo várias entrevistas que deu, sua experiência por lá não foi muito boa. Julgava tudo ali muito "medieval".

Formou-se em jornalismo pela Universidade do Estado de Minnesota, nos EUA, conhecida também como Mankato. Entretanto, nunca exerceu a profissão por falta de interesse com aquilo que ela mesma chama de "informações reais, objetivas e factuais".

Começou a publicar seus contos na Internet em 1998 e, desde então, ganhou o pseudônimo "Indigo". Alguns anos depois, em 2001, deixou a agência de publicidade onde estava trabalhando para se dedicar à carreira literária.

Como ainda não tinha feito nada profissional, resolveu começar oferecendo seus serviços como escritora particular, distribuindo pela cidade de São Paulo 500 cartazes que diziam "Contrate uma Escritora/Originalidade Garantida".

A jogada funcionou e Índigo começou a receber vários convites de trabalho, como para fazer vinhetas para a MTV, roteiros de animação para o Cinemágico da Disney e curtas-metragens. Em pouco tempo, já estava sendo entrevistada pelo apresentador Jô Soares.

Em 2005, começou a escrever contos no caderno de temática infantil da Folha de S.Paulo, a Folhinha, afirmando, assim, sua preferência para com as crianças.

Já em 2006, o Ministério da Educação concedeu a ela o prêmio Literatura para Todos pelo seu livro Cobras em Compota. Todas as escolas públicas do país receberam os 300 mil exemplares desta sua obra à época.

Atualmente, tem 15 livros publicados, além de participações em coletâneas, traduções e adaptações de clássicos para histórias em quadrinho. Também mantém um blog, o Diário da Odalisca.

www.diariodaodalisca.zip.net

Obras Literárias

    * Saga Animal, Editora Hedra, 2001;
    * Festa da Mexerica, Editora Hedra, 2003;
    * Belo Horizonte e a Invasão de Zurungh-Xilih, Editora Alaúde, 2005;
    * O Segredo do Vô Juvêncio, Editora Escala Educacional, 2006;
    * Como Casar com André Martins, Editora Girafinha, 2006;
    * Perdendo Perninhas, Editora Hedra, 2006;
    * Cobras em Compota, editado pelo MEC, 2006;
    * O Livro das Cartas Encantadas, Editora Brinque Book, 2007;
    * A Maldição da Moleira, Editora Girafinha, 2007;
    * Um Dálmata Descontrolado, Editora Hedra, 2007;
    * Coleção Costurando Histórias (cinco livros), Editora Girafinha, 2008.

Participações em Coletâneas

    * 25 Mulheres que Estão Fazendo a Nova Literatura Brasileira, organizado por Luiz Ruffalo, Editora Record, 2004;
    * Os Cem Menores Contos do Século, organizado por Marcelino Freire, Editora Ateliê Editorial, 2004;
    * Uma Antologia Bêbada - Fábulas da Mercearia, organizado por Joca Reiners Terron, Editora Ciência do Acidente, 2004.

deixar comentário

0 Comentários

Nenhum comentário cadastrado até o momento

Comentário


enviar


Patrocinio|Apoio